Wednesday, December 21, 2016

 

Novo Mundo Universalista

Bem vindos ao "novo mundo" universalista,utópico(ou distópico) e pós moderno.Mas continuam a dizer que a Europa deve abrir(ouçam bem)ainda mais as portas em nome de um "humanismo"(já não a economia apenas) que mata sem descriminação e traz o caos. O condutor continua em fuga pelo que parece http://diariodigital.sapo.pt/news.asp?id_news=855320

Comments:
E a dona Merkel ontem veio dizer que se mostrava chocada(a sério?)pelo facto de o dito terrorista poder ser um refugiado.Só alguém muito ignorante/imbecil(não acredito que seja ignorante)ou então muito canalha/cínica se pode sair com esse discurso depois de todos os avisos e de tudo o que se tem passado na Alemanha(desde que a dita sra resolveu abrir as portas) e na Europa.
 
Eu desconfio muito que será um dois em um/uma,Imbecil e Canalha.Sem esquecer todos os canalhas/imbecis "por trás" da dita cuja,sejam eles do partido cdu ou não(aposto que os grandes capitalistas alemães gostaram muito da quantidade de imigrantes/mão de obra barata que a sra meteu lá na Germania).
 
O Trafulha Junker entretanto veio dizer que o google e o Fb devem parar com as "mentiras" veiculadas na net.Ao que chegamos meus caros,acho que nem Orwell(o autor de "1984" e "Animal Farm")previu isto.
 
Check http://averdadequeamidianaomostra.blogspot.pt/2013/10/nova-ordem-mundial-socialista-fabiana.html
 
check https://www.henrymakow.com/2017/03/alan-kurdi-drowning-was-psy-op.html a lavagem cerebral dos povos ocidentais em nome do "humanismo".Makow é canadiano de origem hebraica.
 
http://senhoresdomundo.blogspot.pt/2012/04/guerras-contra-europa.html A «guerra do Kosovo», intervenção «humanitária» baseada no «direito de ingerência», em contradição com o direito internacional, mais não fez do que desencadear a catástrofe que queria evitar. Um ano depois, e graças a uma análise geoestratégica, Alexandre del Valle mostrou os objectivos reais da operação Força aliada(NATO) que se inscreve numa «guerra total» dos Estados Unidos contra o resto do mundo e mais especialmente contra a Europa. Isso permite entender entre outros, para além da «guerra das representações», o apoio dado por Washington aos wahhabitas, os conflitos do Cáucaso, da Ásia central, do Kosovo e a operação Tempestade do Deserto, mas também a vontade americana de integrar a Turquia na União europeia e de apartar a Rússia. Esta nova Ordem mundial, proveniente da «hegemonia benevolente» dos Estados Unidos, utiliza numerosos conflitos locais que opõem um ocidente dominado pelos Americanos ao «bloco ortodoxo» e leva a uma nova guerra fria. A Europa vassalo voluntário desse sistema mas também cada vez mais vítima, pode aceitar este desafio? Alexandre del Valle, tenta aqui uma síntese magistral de uma situação complexa e mal conhecida,ainda antes do 11 de Setembro de 2001.
 
Post a Comment

<< Home

This page is powered by Blogger. Isn't yours?